17.3.10

Sempre na moda

É fato que calças rasgadas tiveram, e ainda têm, grande espaço na moda.
Mas e no trabalho?

Estava eu no Tribunal, em meados de 2008, quando, já no final do expediente, alguém me diz:

-Cláudio, sua calça descosturou atrás!

E eu, fingindo a maior naturalidade do mundo, respondi:

-Ah, é... eu sei! Já tô indo pra casa mesmo... - e a surpresa em conjunto com o medo me tomavam. Eu não tinha a menor ideia de que estava rasgada! E mais: tinha passado o dia andando no meio da rua de um lado pro outro. Quer dizer: sabe Deus quando a bendita calça descosturou e quantas pessoas na cidade do Recife viram isso. Se você viu um menino assim tempos atrás, prazer! Era eu.

Eu pensava: "E agora? Se eu andar rasga mais? Está descosturada quanto?".
Lá fui eu, de ônibus, pra casa. Típica cena de comédia patética que as pessoas acham que só acontece em filme. Eu, no auge da obesidade, pagando de magro, usando calças a la Zezé di Camargo. Resultado: uma calça descosturada; uma volta pra casa de ônibus... EM PÉ! Afinal, vai que eu sentava e abria mais.
Não nego que fiquei com medo de, no aperto, alguém passar por mim e alguma coisa enganchar e rasgar mais ainda.
Pois bem!
Aqui vai minha dica do dia.

Dica do dia:
Se você rasgar sua calça e cair dinheiro no chão, deixe no chão! Se você rasgar sua calça, solte a camisa e tente tapar o buraco. Se você rasgar sua calça, não se sente. Se você rasgar sua calça, emagreça! Se você rasgar sua calça, certifique-se que está usando uma cueca/calcinha decente; afinal, o risco de voltar nu é sempre possível!

11 comentários:

Diego Borges disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk eu já passei por isso inúmeras vezes, uma pior que a outra . Tão ruim quanto isso é sair com o zip aberto , a humilhação é a mesma .
Certa vez eu fui pra uma festa da Igreja e de casa te la eu fui com o zip aberto, pense moço, eu quase morri do coração , nessa horas num tem um boeiro pra gente se jogar dentro kkkkkkkkkkkkkk
amigo fico feliz que ainda esteja aqui na blogosfera , apareça mais .
um abração !!!!! :)

Alexandre disse...

amigo...
nunca tinha lido... adorei mesmo!
parabéns .. aprendeu comigo neh?
;D

Allex Sunshine disse...

Gente que mico. Eu nunca passei por isso não graças a Deus, nem saberia o que fazer, mas eu ri muito aqui. Se não fosse tão cômico, seria trágico.
Como sempre você se supera nos seus textos né Cláudio? Parabéns!

Luciana disse...

Bem vindo amigo,ao time dos lerdos(eu sou a rainha viu?)
Já saí com a blusa pelo lado avesso(lindaaaaaaaaaaa rsrsrs)
Gostei daqui,volto.

Luciana disse...

Ei,vc que é estagiário...
Li bastante viu?
Mais pq mesmo demora tanto a postar?
Muito engraçado teus posts

.:Cláudio Fazio:. disse...

haha Obrigado.
Já deixei de ser estagiário. Me formei, enfim! E ando extremamente relapso com o blog. Depois volto a postar. ;)

Pâmela disse...

Dica: verifique sua calça antes de sair de casa!

Miro disse...

Vc tem twitter?

Anna kelly disse...

Ri muuuuito!
Olha não quero passar por isso nunca .. rsrs
boa escrita!

Leylanne Martins disse...

Daí, gostei muito de tudo que eu li. Estava mesmo precisando me sentir normal e o único jeito que se tem se sentir isso, é descobrir que existe pessoas tão atrapalhadas como nós kkkkkk.
Valeu mesmo!!!!!

.:Cláudio Fazio:. disse...

hahaha Olha, Leylanne, faz teeempo que não mexo aqui e, incrivelmente, andava pensando no blog por esses dias. Às vezes penso em apagar, já que não tem mais função. Mas eventualmente vem alguém aqui e deixa um comentário sempre rindo ou até se identificando e isso me soa sempre positivo. Acho massa! São micos de uma época que não voltam mais - e que eu me orgulho de ter passado por isso. Porque pelo menos é história pra contar em mesa de bar. A época em que a gente rala é a época em que somos "aprendizes", mas é quando a gente pode errar e rir dos erros sem medo das consequências. ;)